Banner

Sábado, 22 de junho de 2024 - Email: [email protected]

Sábado, 22 de junho de 2024 - Email: [email protected]


Taxa de desemprego fica em 7,9%; índice é o menor em 10 anos

Desocupação trimestral recua em 21 estados e no Distrito Federal

Por Agência Brasil – Brasília

A taxa de desemprego do país no primeiro trimestre de 2024 foi de 7,9%, uma queda de 0,9 ponto percentual na comparação com o mesmo trimestre de 2023 (8,8%), segundo a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (PNAD Contínua), divulgada hoje (17) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A taxa é a mais baixa da série histórica do primeiro trimestre em 10 anos – até então, o menor índice tinha sido registrado no primeiro trimestre de 2014, com 7,2%.

Na comparação com o primeiro trimestre do ano passado, a taxa de desocupação caiu em 21 estados e no DF. As unidades da federação que registraram menor nível de desocupados foram: Acre, Amazonas, Pará, Amapá, Tocantins, Maranhão, Piauí, Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Alagoas, Sergipe, Bahia, Minas Gerais, Espírito Santo, Rio de Janeiro, São Paulo, Paraná, Mato Grosso, Goiás e DF.

O crescimento na desocupação foi registrado em quatro estados: Rondônia (3,2% a 3,7%), Roraima (6,8%  a 7,6%), Rio Grande do Sul (de 5,4% a 5,8%) e Mato Grosso do Sul (4,8% a 5%). Em Santa Catarina, a taxa se manteve estável em 3,8%.

“A trajetória de queda anual, que já vem sendo observada em outros trimestres, se manteve”, analisa Adriana Beringuy, coordenadora de pesquisas por amostras de domicílios do IBGE, em nota.

taxa de desocupação trimestral

 

No primeiro trimestre de 2024, havia 1,9 milhão de pessoas que procuravam trabalho durante dois anos ou mais. Esse contingente se reduziu em 14,5% frente ao primeiro trimestre de 2023, quando 2,2 milhões de pessoas buscavam trabalho por dois anos ou mais.

A pesquisa também revelou aumento no rendimento médio real mensal habitual que, no trimestre encerrado em março, foi de R$ 3.123. No mesmo trimestre do ano passado, esse valor era R$ 3.004.

Desigualdade de gênero e raça

As taxas de desocupação seguem maiores para mulheres, pessoas pretas e pardas e aquelas com o ensino médio incompleto. Todos esses grupos ficaram acima da média nacional (7,9%). No primeiro trimestre, essa taxa foi estimada em 6,5% para os homens e 9,8% para as mulheres.

Quando analisada a taxa de desocupação por cor ou raça, a dos que se declararam brancos (6,2%) aparece abaixo da média nacional, enquanto a dos pretos (9,7%) e a dos pardos (9,1%) ficaram acima.

Já na análise por nível de instrução, a taxa de desocupação para as pessoas com ensino médio incompleto era de 13,9%. Para os que tinham superior incompleto, a taxa foi de 8,9%, mais que o dobro da verificada para o nível superior completo (4,1%).

Edição: Lílian Beraldo



Mais notícias sobre cidades de Rondônia

Mais de 40 ruas do bairro Três Marias recebem manutenção e reparos

Mais de 13 quilômetros serão atendidos com esses serviços de reparo   Mais de 40 ruas do bairro Três Marias são atendidas por serviços de manutenção...

“FNAS pelo Brasil” debate controle da aplicação dos recursos públicos durante...

Representando a Seas, Bruno Afonso destacou a importância do evento e aproximação do governo com os municípios   Com assessoramento técnico organizacional do governo de Rondônia,...

Rio baixo e barranco alto tornam ainda mais desafiador o trabalho...

Equipe de imunização realiza maratonas para levar proteção de casa em casa nas comunidades onde o barco não atraca   Acesso às comunidades localizadas em barrancos...

Assembleia Legislativa assegura apoio a 3ª Feira Científica, em Rolim de...

Evento conta com apoio do presidente da Assembleia Legislativa, deputado estadual Marcelo Cruz. A cidade de Rolim de Moura receberá nos dias 8 e 9...

Governo de RO sedia 5ª edição do eGOV Experience Tour nesta...

O objetivo é discutir e promover as melhores práticas e inovações tecnológicas aplicadas ao setor público     Com o objetivo de discutir e promover as melhores...























Banner




Pular para a barra de ferramentas